Você está aqui: HomeNutrição na Gestação

Nutrição x gestação: muito além do controle de Peso corporal

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

A gestação é um período único e mágico, de muita transformação no qual a natureza de uma forma incrível modifica o corpo, a cabeça e o coração para transformar a mulher em mãe. É claro que isso não seria um processo fácil.  Após a fecundação, o sangue da mãe começa a alimentar o filho, nessa hora vem a grande responsabilidade da alimentação e conscientização da mãe, que não deve estar preocupada apenas com a estética do seu corpo e sim em fazer sempre o melhor para a vida que está crescendo dentro de si.

É o momento de deixar de lado de uma forma consciente o que gosta de comer para colocar em prática o que é necessário comer.  

É importante que você, futura mãe, entenda a importância da alimentação nesse período.

Na gestação, não basta a preocupação de estar ganhando muito peso ou se não está ganhando peso, pois varia de acordo com o peso pré-gestacional.

Seu nutricionista vai te orientar quanto a isso.

Essa fase engloba uma série de pequenas e contínuas mudanças fisiológicas, que afetam o metabolismo dos nutrientes.

Estes ajustes são individuais, dependentes do estado nutricional pré-gestacional, de determinantes genéticos, do tamanho fetal e do estilo de vida da mamãe.

É um período que as necessidades nutricionais são aumentadas, e a adequada nutrição é primordial para a saúde da mãe e do bebê.

Gestantes devem consumir alimentos em variedade e quantidade específicas e se hidratar de forma adequada para atingir as necessidades energéticas e nutricionais, e as recomendações de ganho de peso.

Durante a gravidez normalmente serão feitas reposições de nutrientes, principalmente o ferro, como exemplo entre outros.

Esse processo é INDIVIDUAL, cada paciente tem uma necessidade específica que deverá ser avaliada pelo obstetra e pelo nutricionista.

Gestantes que apresentam inadequada reserva de nutrientes, aliada a uma ingestão dietética insuficiente, poderão ter um comprometimento do crescimento.

Dessa forma, antes mesmo da concepção, o  acompanhamento nutricional é fundamental para o estabelecimento de uma dieta que atenda às necessidades da gestante. 

As necessidades nutricionais mudam conforme o trimestre gestacional.

A avaliação do estado nutricional materno, no início e durante a gestação é fundamental para estimar as necessidades dietéticas. 

Agora, você gestante, não deixe de agendar seu pré natal e ser pontual nas consultas, assim como procurar um Nutricionista.

Ela irá acompanhar a curva de crescimento do seu bebê e irá orientá-la em relação a alimentação específica para cada mês da gestação, além de ser em relação à amamentação.

 

Regras gerais para a alimentação da Gestante:

 

 

  • Consumir variadas  frutas ao longo do dia dentro das porções do seu planejamento, em forma de suco ou ao natural;
  • Ingerir pelo menos 1 litro e meio de água durante o dia;
  • Evitar excessos de gorduras e açúcares
  • Comer devagar, mastigando bem os alimentos;
  • Fracionar a dieta, fazendo no mínimo 5 refeições diárias em horários regulares;
  • Evitar o consumo de bebidas alcoólicas (pois afetam o desenvolvimento do feto);
  • Evitar o  " excesso " que são predisponentes à formação de gases, como grãos, repolho, couve flor, refrigerantes;
  • Não deitar logo após as refeições.

 

 

 

Compartilhar

Quem Está Conectado?

Temos 51 visitantes e Um membro online

  • Eta-Canada.mew

Visitantes

492892
Hoje
Ontem
Nesta Semana
Última Semana
Este Mês
Último Mês
Geral
355
493
848
487679
15385
17770
492892

Seu IP: 177.81.39.45
Hora do Servidor: 2017-07-24 09:43:01

Coach

Logo_Coach.png
DESIGN_BY

Distributed by SiteGround