Artigos Postados

Você sabe o que é: Ortorexia, Vigorexia e Diabulimia?

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 

Você sabe o que é: Ortorexia, Vigorexia e Diabulimia?

NÃO?? Então leia o artigo a seguir

DIABULIMIA

 

A diabulimia é um transtorno alimentar que reúne os malefícios da diabetes tipo 1 com a bulimia nervosa.

Não é um transtorno oficialmente classificado, é um transtorno alimentar específico,  e recebeu esse nome em 2006.

Afeta apenas pessoa que tem diabetes tipo 1, que ocorre numa proporção de 1:600 em crianças. A característica do diabetes é a falta de utilização periférica de glicose. Quando o açúcar no sangue está elevado, há perda de peso. Os diabéticos precisam de insulina para metabolizar o alimento e convertê-lo em energia em nível celular. Se não há insulina, o corpo não tem como utilizar a energia dos alimentos e ocorre, a desnutrição da célula, provocando grande perda de peso corporal. Isso habitualmente ocorre quando o diabético deixa de utilizar a suplementação de insulina.

Algumas meninas aprendem que esse procedimento provoca a perda de peso e deixam de utilizar a insulina, deixando o diabetes descompensar. Com a elevação do nível de açúcar no sangue ocorre aumento da excreção urinária, dores de cabeça e queda de peso. Ao longo do processo a pessoa entra em estado de cetoacidose. Com o tempo podem desenvolver graves problemas renais, retinopatias e outras sequelas. Pode ocorrer o óbito.

O fator desencadeante e mantenedor é a busca do “corpo ideal” preconizado pelos “padrões” de beleza, baixa autoestima, perfeccionismo.

O fato de os diabéticos tipo 1 serem submetidos a restrições alimentares desde muito novos pode trazer à tona e preocupação com o corpo, que pode contribuir para desenvolver um distúrbio alimentar.

Devemos ficar atentos ao comportamento de adolescentes e jovens adultos diabéticos que podem ajudar a identificar a presença da diabulimia, como recusar-se a pesar na consulta, negociar a dose de insulina, preocupação excessiva com corpo, com  forma física, nível elevado da glicemia, mesmo com a intervenção médica proposta como dieta adequada, prescrição de insulina.

 

ORTOREXIA

 

Um novo distúrbio alimentar chamado ortorexia nervosa, foi descoberta por cientistas. Esse distúrbio é caracterizado pela compulsão por comida saudável, sem agrotóxicos e de preferência cruas.

 

Nesse caso o indivíduo acha que pode ser curado de qualquer coisa se passar a comer alimentos mais saudáveis, mas isso chega ao extremo, como as pessoas que só comem coisas cruas e acabam com grandes problemas de saúde como a falta de vitaminas.

 

Todas as vitaminas são fundamentais para o bom funcionamento do organismo. A alimentação correta deve conter todas as categorias como carnes vermelhas e brancas, frutas, legumes, verduras, hortaliças e cereais. Comer alimentos que pertencem a uma única categoria é prejudicial ao organismo.

 

Nem todos os especialistas estão convencidos de que a ortorexia é um distúrbio alimentar como a bulimia e a anorexia.

Mas é bom ficar de olho!

 

 

VIGOREXIA

 

 

O que é:

A vigorexia, transtorno dismórfico muscular ou Síndrome de Adonis(*) , é uma doença psicológica caracterizada por uma insatisfação constante com o corpo, que afeta maioritariamente os homens, levando-os à prática exaustiva de exercícios físicos.

Sintomas da vigorexia

O principal sintoma a vigorexia é o fato de indivíduo estar em ótima forma física e continuar achando que seu corpo é inadequado, por ser muito fraco. Outros sintomas são:

  • Dor muscular persistente por todo o corpo;
  • Cansaço ao extremo;
  • Irritabilidade;
  • Depressão;
  • Anorexia/ Dieta muito restritiva;
  • Insônia;
  • Aumento da frequência cardíaca ao repouso;
  • Menor desempenho durante o contato íntimo;
  • Sentimento de inferioridade.

Por norma, os vigoréxicos, adotam uma alimentação muito restritiva e passam a eliminar o consumo de gorduras exagerando no consumo de alimentos ricos em proteínas, visando o aumento da massa muscular. É comum que eles também abusem dos anabolizantes.

Eles ficam sempre insatisfeitos com os resultados, vendo-se a si mesmos como indivíduos muito magros, apesar de serem muito fortes e terem músculos muito bem desenvolvido. Por isso, a vigorexia é considerada um tipo de Transtorno Obsessivo Compulsivo e necessita de tratamento.

Causas da vigorexia

As causas da vigorexia são psicológicas, mas acredita-se que possa haver alguma relação com os neurotransmissores do sistema nervoso central, pois alguns casos de vigorexia foram precedidos por doenças como meningite ou encefalite.

Consequências da vigorexia

Com o passar do tempo, a vigorexia pode gerar consequências danosas ao organismo como insuficiência renal, hepática; problemas de circulação sanguínea e depressão.

Se houver abuso do uso de anabolizantes, pode haver doenças cardiovasculares envolvidas, câncer de próstata e diminuição do tecido testicular.

Tratamento para vigorexia

O tratamento mais indicado em caso de vigorexia é a psicoterapia, onde os objetivos serão fazer o indivíduo aceitar-se como realmente é e aumentar a sua auto-estima. Além disso, pode ser necessária a toma de medicamentos à base de Serotonina e uma alimentação equilibrada, orientada por um nutricionista.

(*) em referência ao mitológico ideal de beleza masculina, Adônis

Última atualização em Quarta, 24 Julho 2013 14:42